Dez filmes de Natal para assistir com a família

Da Redação

Natal é tempo em família. Por que não aproveitar o data para ver um filme em casa, com muito amor e pipoca? O programa também é ideal para quem decidiu não viajar neste fim de ano. Por isso, o Correio preparou uma lista sem deixar qualquer estilo de fora. Confira!
  • Uma segunda chance para amar (2019), de Paul Feig
Em cartaz nos cinemas, o filme traz Kate (Emilia Clarke) cuja vida é uma bagunça. A jovem trabalha como elfo numa loja de Natal que abre durante o ano inteiro. Quando a inglesa conhece Tom (Henry Golding), os dois se apaixonam. O que parecia impossível se torna realidade e o rapaz a vê através das fortalezas que ela construiu em torno de si.

 

 
  • O príncipe do Natal: o bebê real (2019), de John Schultz
Netflix está a todo vapor no lançamento de filmes de Natal. Prova disso é a continuação de O príncipe de Natal (2017) e O príncipe de Natal: o casamento real (2018). Na trama, o reino de Aldovia está em clima de Natal, enquanto a Rainha Amber (Rose McIver) e o Rei Richard (Ben Lamb) desejam tirar uma folga antes do nascimento do primogênito. Para isso, precisam renovar o tratado de paz com o reino da Penglia. O problema é que o documento é roubado durante uma tempestade de neve na véspera de Natal.

 

  • Deixe a neve cair (2019), de Luke Snellin
No filme, baseado no livro de John Green, Maureen Johnson, Lauren Myracle, três diferentes histórias de amor são contadas e se conectam entre si. Quando uma intensa nevasca atinge Gracetown, em 24 de dezembro, a cidade se torna um refúgio romântico. 

 

 
  • O Natal está no ar (2019), de Leslie Small
Num misto de drama e comédia, o pai solteiro e DJ de rádio Rush Williams (Romany Malco) perde o emprego enquanto os quatro filhos têm caros presentes na lista de Natal. Para ajudá-lo, o produtor e a tia planejam comprar outra estação com a condição de que a família diminua gastos supérfluos. A partir desse desafio, pai e filhos se reconectam e, juntos, reencontram o amor, a magia e a felicidade no Natal.

 

 
  • O amor não tira férias (2006), de Nancy Meyers
Iris (Kate Winslet), em Londres. Amanda (Cameron Diaz), em Los Angeles. Sem se conhecer, as duas decidem trocar de casas no Natal por meio de um site de intercâmbio de casas, após terminarem os relacionamentos. A mudança se torna maior do que elas imaginam quando cada uma passa a viver um romance durante as férias em outro país.

 

 
  • Expresso polar (2004), de Robert Zemeckis
A animação de aventura começa na véspera de Natal quando um garoto, vivido por Josh Hutcherson, quer reencontrar a magia do Natal sendo que não acredita mais em Papai Noel. Nessa hora, aparece o personagem de Tom Hanks, que convida o menino para embarcar num trem rumo ao Pólo Norte. A viagem de descobrimento de si acaba sendo da magia do Natal.

 

 
  • O Natal de Eloise (2003), de Kevin Lima
A pequena Eloise (Sofia Vassilieva), de 6 anos, faz parte das memórias de infância de uma geração de adultos. Quem não se lembra de assistir a um dos filmes de comédia dela na Sessão da tarde? A garota mora com a babá (Julie Andrews), na cobertura do luxuoso Hotel Plaza, onde vive peripécias e aventuras. Na trama, a menina arma um plano para fazer Rachel, filha do dono do hotel, e o garçom Billy admitirem que ainda se amam e reatarem o relacionamento. O casal havia sido separado pelo pai de Eloise.

 

 
  • Pode me chamar de Noel (2001), de Peter Werner
Whoopi Goldberg não poderia faltar. Lucy Collins é uma bem-sucedida produtora de televisão que contrata um ator para interpretar Papai Noel no programa de telecompras dela. A surpresa: Nick é o verdadeiro bom velhinho e procura sucessor para, enfim, se aposentar, após dois séculos. A protagonista passa a ser a preferida dele para a escolha.
 
  • Esqueceram de mim (1990), de Chris Columbus
Um verdadeiro clássico de Natal. A família McCallister planeja passar a data em Paris, mas o filho Kevin (Macaulay Culkin), de 8 anos, apronta na noite anterior. O castigo — dormir no sótão — o faz querer que a família não esteje lá. O menino acredita que o desejo se realizou quando é esquecido em casa até que percebe que bandidos tentam roubar o local e tenta se defender sozinho.

 

 
  • Esqueceram de mim 2 — Perdido em Nova York (1992), de Chris Columbus
Continuação do anterior, o pequeno Kevin fica, novamente, sozinho quando se perde do pai no aeroporto e pega um avião para Nova York. Enquanto isso, a família vai para a Flórida. Só que o garoto estava com o cartão de crédito e acaba por se hospedar no Hotel Plaza, um dos mais caros e luxuosos da cidade. Lá, começa a aprontar até que descobre um plano de dois ladrões para assaltar uma loja de brinquedos em 24 de dezembro.

 Fonte: Correio Brasilense