História dos carnavais de Cuiabá é contada em exposição fotográfica no MISC

Da Redação

Tempos de desfile na Getúlio Vargas, de carnavais de marchinha, de blocos que se espremiam entre as paredes de casarões no Centro Histórico. Tempos de Jejé e de Liu Arruda e tantos outras personalidades da cultura cuiabana. Estes momentos podem ser revividos na exposição “Carnavais dos Carnavais” em exibição no Museu da Imagem e do Som, até o dia 15 de março. A entrada é gratuita.

“É uma exposição que valoriza a cultura do carnaval de rua de Cuiabá, que vem de muito tempo e que tem que ser reverenciada. Uma homenagem a todos que contribuíram no fomento à cultura cuiabana e a manter essa tradicional folia viva em Cuiabá”, comentou o secretário de Cultura, Esporte e Turismo, Francisco Vuolo.

São 60 fotografias que reconstroem os momentos marcantes dos carnavais de Cuiabá, desde a década de 1970 até o fim da década de 1990. O material é parte do acervo fotográfico do próprio MISC e foi cuidadosamente selecionado pelo coordenador do Museu, Cristóvão Luiz em homenagem a uma das festas mais tradicionais do Brasil e também de Cuiabá.

“É uma forma de preservação da memória, então quando você ouve falar do Sayonara, Dom Bosco e Clube Feminino é uma viajem pelas fotografias. A parte boa disso tudo é ter gente de 90 anos que passa por aqui e conta histórias, diz lembrar. As pessoas viajam no tempo e reconhecem familiares”, explicou o coordenador do MISC.

Além das fotos, também estão à disposição para visita do público, máscaras e fantasias preservadas. O Museu do MISC funciona de segunda à sábado, das 8h às 18h.

SERVIÇO:

O que: Exposição fotográfica “Carnavais dos Carnavais”

Quando: até o dia 15 de março, das 8h às 18h, de segunda a sábado

Onde: Museu da Imagem e do Som (MISC)

 

Foto: Luiz Alves