Live de lançamento do acervo da Casa Barão ocorrerá nesta quinta-feira (29)

Contemplado no Edital Mato Grosso Criativo, o projeto disponibilizará documentos, fotografias e obras das famílias Mendonça e Rodrigues em plataforma digital

Os acervos documentais de famílias tradicionais mato-grossenses que compõem a Casa Barão de Melgaço estarão disponíveis na internet a partir desta quinta-feira (29.04), às 19h. O projeto, idealizado pela historiadora Elizabeth Madureira Siqueira, terá lançamento virtual por meio de live nos canais do Youtube e Facebook do projeto.

Durante mais de 20 anos a Casa Barão de Melgaço recebeu preciosos acervos que pertenceram aos seus mais ilustres membros do Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso e da Academia Mato-grossense de Letras, que foram doados pelas famílias.

Duas famílias integram o “Projeto Plataforma Digital dos acervos das Famílias da Casa Barão de Melgaço: pleno acesso à íntegra”, contemplado no Edital Mato Grosso Criativo, realizado pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT), a saber, Família Mendonça – Estevão e Rubens de Mendonça, e Família Rodrigues – Firmo e Dunga Rodrigues. Os acervos abarcam a segunda metade do século XIX até a segunda metade do século XX.

O conjunto de documentos que pertenceu às duas famílias foi todo digitalizado em sua integralidade. O projeto optou por apresentar inicialmente os titulares, tendo por base suas biografias, e depois introduzir os documentos por grupos – reunião de peças documentais que indicam os documentos pessoais, documentos de família, produção intelectual, universo de interesse, além do conjunto fotográfico acumulado pelos titulares ao longo de quase dois séculos.

Para a idealizadora do projeto, Elizabeth Madureira, “a Plataforma Digital é um meio de posicionar a história do estado na contemporaneidade. Um esforço de divulgação do nosso legado histórico para as novas gerações, oportunizando acessibilidade aos acervos que antes tinham acesso restrito”, afirmou a historiadora.

A plataforma digital foi desenvolvida seguindo parâmetros dos principais portais brasileiros de referência no campo da história, documentação e pesquisa, e levará o público a navegar pela história de Mato Grosso por meio da organização do conjunto de documentos digitalizados.

“O objetivo desse esforço é o de tornar as informações em imagens de alta qualidade, a fim de que o consulente possa reproduzir as imagens, aproveitando-as em seus trabalhos. Esperamos, com isso, que sejam desenvolvidos mais estudos científicos sobre Mato Grosso, sua produção intelectual e personalidades ligadas à sua trajetória”, concluiu a proponente do projeto.

Para acessar a plataforma, o site apresentará uma explicação referente à metodologia adotada, assim como explicação sobre cada grupo. Depois, o pesquisador poderá acessar diretamente os acervos das famílias, acionando os Grupos e em seguida o documento em PDF.

Os acervos estarão disponíveis no endereço eletrônico www.familiascasabarao.com.br e o acesso aos documentos será livre, tanto para consulta online como para download dos arquivos.

O sítio vai ao ar na próxima quinta-feira (29.04) durante a transmissão da live de lançamento, que contará com participação do secretário de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT), Alberto Machado, da presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso, Neila Barreto, da presidente da Academia Mato-grossense de Letras, Sueli Batista, do programador da plataforma, Umberto Magalhães, além da proponente do projeto, a historiadora Elizabeth Madureira Siqueira.

Serviço

LIVE de Lançamento da Plataforma Digital dos Acervos das Famílias da Casa Barão de Melgaço

Data: 29 de abril de 2021(quinta-feira)

Horário: 19h

Local: Facebook e no canal do Youtube Famílias Casa Barão

Informações: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *