Preenchimento labial, quando e por que fazer?

Se o sorriso é a janela da alma, os lábios são o pórtico, a moldura dessa janela. Diariamente, como biomédica esteta e especialista em procedimentos de face, recebo muitos questionamentos das minhas pacientes, jovens ou não, sobre o queridinho dos preenchimentos, que é o de lábios.

Dentre as principais dúvidas estão: com que idade posso fazer? Vai ficar exagerado? Passei dos 40 e meus lábios parecem ter diminuído, o preenchimento pode me ajudar? Consigo mudar o formato da minha boca? Dói?

Primeiro é preciso entender que não existe uma receita de bolo ou uma fórmula única para os lábios dos sonhos e que cada paciente é única, por consequência os lábios delas também, portanto uma avaliação/análise facial, bem como o diálogo com o profissional que a pessoa escolher é imprescindível para um resultado harmônico e que atenda as expectativas de quem procura por esse tipo de procedimento.

O preenchimento é indicado para pessoas com pouco volume labial que não se sentem satisfeitas com isso, para pessoas que estão incomodadas com os sinais de envelhecimento ou que passaram por algum processo dentário e acabaram perdendo volume na projeção do lábio. Não há idade apropriada para fazer o preenchimento labial, mas é recomendado que a decisão seja tomada depois dos 18 anos.

Indolor, já que é feito com anestesia local, o preenchimento labial com ácido hialurônico tem durabilidade de seis a 12 meses, tudo depende do organismo do paciente com relação à absorção do produto e da densidade do preenchedor utilizado.

O volume dos lábios será de acordo com a quantidade de produto aplicado. A minha sugestão como profissional é sempre começar com 1 ml de produto por sessão, para preencher, corrigir ou dar volume. Sempre oriento minhas pacientes com relação aos exageros, afinal a beleza do preenchimento está justamente em dar volume, hidratar, realçar o contorno e devolver a juventude dos lábios, sem parecer que o procedimento foi feito.

Esclarecida essas dúvidas, procure um bom profissional que passe confiança e se joga no preenchimento labial.

*Geici Rafaela é biomédica esteta em Cuiabá