PRF apreende madeira e agrotóxicos em Alto Garças – MT

Da Redação

Nesta quarta-feira (08), o Grupo de Patrulhamento Tático (GPT) da Polícia Rodoviária Federal, sob coordenação do SOPE (Setor de Operação Especializadas) fez duas apreensões em poucos minutos, durante fiscalização na BR-364, em Alto Garças.

A primeira ocorrência, foi por volta das 10h23, quando as equipes abordaram o veículo VW 23.220, com placas de Franca/SP, conduzido por um homem de 35 anos e com um passageiro de 37. Ao ser abordado, o condutor disse que o caminhão estava vazio e prestou informações contraditórias, aumentando o nível de suspeição dos policiais.

Em busca veicular, foram encontrados diversos galões de agrotóxicos, totalizando aproximadamente 3.320kg. O passageiro apresentou um documento de nota fiscal e após consultas, foi constatado que tanto o documento de nota fiscal, quanto os agrotóxicos eram falsificados. O passageiro confirmou ser ele mesmo quem praticou a falsificação do agrotóxico e comprou as notas fiscais. Informou que o produto seria comercializado em troca de um veículo, no município de Rondonópolis/MT, sem entrar em mais detalhes. Destaca-se ainda que o valor apresentado nas notas seria de 450 mil reais.

Na segunda ocorrência, por volta das 10h30, as equipes abordaram o caminhão Iveco/Tector com placas de Contagem/MG e conduzido por um homem de 32 anos. O veículo estava carregado com madeira serrada sendo transportada de Rondônia até Brumadinho/MG.

Ao fazer a verificação da documentação da carga, os policiais constataram que havia documentos de origem florestal vencidos, o que torna as respectivas cargas ilegais. Foram apreendidos 17, 43 m³ de madeira serrada.

As duas ocorrências foram encaminhadas para Polícia Civil de Alto Garças.

Salienta-se que a PRF realiza, diuturnamente, fiscalizações reprimindo o transporte irregular de madeira e agrotóxicos, contribuindo com a preservação do meio ambiente e garantindo a exploração sustentável dos recursos naturais, tão importantes para a fauna e flora brasileiras.