Professores de MT defendem ensino profissionalizante em artigo de revista científica nacional

Da Redação

A conceituada revista on-line Brazilian Journal of Development, na edição de agosto de 2020, publicou o artigo “Educação profissional, reflexão e mercado de trabalho: a experiência de uma egressa do curso técnico em açúcar e álcool”, de autoria da servidora da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), Julianne Caju de Oliveira Souza Moraes, em parceria com o professor da Fatec, Paulo Cesar Fernandes da Rosa Junior.

Segundo Julianne, que é professora da Escola Técnica do Estado (ETE) de Rondonópolis, ela se uniu a Paulo, seu colega de mestrado, para contar por meio deste artigo a experiência e percepções de uma aluna do curso técnico, com o propósito de ressaltar a importância do ensino profissionalizante para o cidadão.

“Nós já escrevemos outros artigos juntos e este último, elaboramos durante este período de pandemia e isolamento social. Este trabalho é fruto das nossas experiências em educação profissional, dos nossos estudos sobre educação e das nossas pesquisas nas áreas de ciências humanas e sociais. E conseguir emplacar um artigo nesta revista tão conceituada nos deu muito orgulho, é uma forma de reconhecimento e incentivo ao nosso trabalho, além de concretizar nossos esforços”, comentou a professora Julianne Caju.

Paulo ressalta que a repercussão do tema em uma revista deste gabarito pode fomentar e ampliar as discussões sobre educação profissional e o mercado de trabalho.

“A educação profissional não é simplesmente carregar o aluno de conhecimentos ou de habilidades que ele utilizará em um emprego, mas também é uma forma de construir a identidade do estudante”, falou o professor.

Julianne reforça que a educação profissional vai além da capacitação e a conquista de um emprego, pois pode contribuir para mudar o contexto social e transformar a vida de uma pessoa.

“Esta aluna citada no artigo, por exemplo, entrou no curso com uma determinada visão, mas no decorrer dos estudos ela passou a ter outras percepções sobre o mercado e a ver outras possibilidades, como prestar o Enem e conseguir uma vaga em uma universidade”, comentou.

O superintendente de Educação Profissional e Superior, Aryeh Hessel Craveiro, ressalta que por meio de parcerias muitas ações e trabalhos positivos são realizados.

“A união agrega muito mais quando se trata de processos educacionais, neste caso, temos a Seciteci com a Fatec, que desenvolveram este material que servirá para toda a sociedade, pois traz um relato da experiência de uma aluna de um curso técnico e o seu processo de aprendizagem, que poderá servir base para futuras pesquisas”, disse.

Quem quiser ler o artigo, pode acessar AQUI.

A revista

O artigo foi publicado no v. 6, n. 8 da Revista, que é exclusiva para divulgação de artigos e materiais acadêmicos, e muito bem avaliada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), ligada ao Ministério da Educação (MEC).

O Brazilian Journal of Development (BJD) surgiu com percepção de alguns professores brasileiros de que o tema “desenvolvimento” carece de mais meios de divulgação de pesquisas científicas. Trata-se de uma publicação cujo objetivo é difundir o conhecimento na área do desenvolvimento.